quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Corpos de pai e filha mortos no Pará são enterrados em Goiás

DO G1 GO

Suspeito de cometer o crime, de 19 anos, é filho do empresário goiano.
Rapaz confessou que matou para roubar família e comprar droga, diz polícia

Bruna e o pai foram assassinados na casa deles
(Foto: Reprodução)
Brasil - Os corpos do empresário goiano Valter Carvalho Gomes, 43 anos, e da filha dele, Bruna Oliveira Gomes, 20 anos, foram enterrados em Jataí, no sudoeste goiano, no final da tarde de terça-feira (20). O suspeito de cometer o crime é um filho da vítima, de 19 anos, com outra mulher. Ele teria confessado ter matado os parentes para roubar um carro da família e comprar droga.

O traslado dos corpos para a cidade goiana foi feito de avião de Santarém (PA), onde o crime aconteceu. A família não se conforma com a tragédia. "Realmente é uma situação trágica, inesperada para todos", declarou o parente José Oscar Sousa Martins.

Irmão de Valter, Valteir Gomes, também morava no Pará. Ele afirma que o suspeito tinha um bom relacionamento com a família. "Ele trabalhava com o pai. O pai cobrava que ele estudasse. Foi uma surpresa, uma covardia. Ele [Walter] foi traído dentro de casa", declarou Valteir.
Crime

Pai e filha foram assassinados a facadas na casa deles, em Santarém, na manhã da última segunda-feira (19). Os corpos foram encontrados pela esposa da vítima, que tinha saído para levar a filha mais nova à escola. O suspeito não morava com o pai, e seria filho de outra mulher. Walter era dono de uma distribuídora de carnes.

Segundo a Polícia Civil do Pará, o jovem invadiu a casa à procura de dinheiro para comprar drogas, e acabou matando o pai e a irmã com golpes de faca. No momento do crime, ele estaria sob forte efeito de entorpecentes. O rapaz fugiu do local no carro da família, que seria trocado por droga.

O suspeito foi localizado próximo a Mojuí dos Campos (PA). No veículo, a polícia apreendeu uma faca que teria sido utilizada no crime. A polícia acredita que o objetivo do rapaz era chegar até a comunidade Alto Seco, onde a mãe dele mora.

Em depoimento na delegacia de Santarém, o jovem confessou o crime. Ele foi autuado em flagrante por latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. A polícia informou ainda que o suspeito agiu sem a ajuda de outros comparsas.
Compartilhar:

0 comentários:

Postar um comentário

NOTÍCIA DA SEMANA:

Suposta aparição de Nossa Senhora impressiona moradores de Oriximiná, no PA

Foto: Reprodução/Redes Sociais Um brilho no céu em formato de Nossa Senhora movimentou o município de Oriximiná, no oeste do Pará...

PABLO VASTEI FOTOGRAFIAS

PUBLICIDADE:


PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Arquivo do blog

Solidariedade:

ACOMPANHE: